Fonte: Embaixada EUA em Moçambique |

Governo dos EUA apoia aprendizagem precoce em línguas locais com o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano

O evento serviu para destacar a importância das línguas locais em Moçambique

Os projectos de educação representam uma componente crítica do programa de assistência mais amplo do Governo dos EUA em Moçambique

MAPUTO, Moçambique, 21 de fevereiro 2020/APO Group/ --

O Governo dos EUA participou orgulhosamente numa cerimónia oficial de comemoração do Dia Internacional das Línguas Maternas no distrito de Matutine, província de Maputo. O Governo dos EUA esteve representado no evento pela Directora da Missão da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID) Jennifer Adams, enquanto a Ministra da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH) Carmelita Rita Namashulua representou o Governo da República de Moçambique. Também estiveram presentes a Secretária de Estado da Província de Maputo, Vitória Dias Diogo e o Governador da Província de Maputo, Júlio Parruque. O evento serviu para destacar a importância das línguas locais em Moçambique, na preservação da diversidade cultural e construção de uma sociedade mais inclusiva. O evento destacou, igualmente, os programas de educação bilíngue do Governo de Moçambique, apoiados por um financiamento do Governo dos EUA.

O Governo dos EUA, através da USAID, faz parceria com o MINEDH para melhorar a qualidade e os resultados da educação, focados principalmente na leitura precoce nas línguas locais. Também trabalha com pais, escolas locais, membros da comunidade e organizações da sociedade civil para aumentar o engajamento na leitura precoce e reduzir os obstáculos que impedem as meninas de frequentar e concluir o ensino médio. Mais de 800.000 crianças moçambicanas beneficiam dos referidos projectos. A USAID ajuda o Governo Moçambicano a rever as políticas educacionais em todo o país e a implementar ferramentas de aprendizagem e abordagens de ensino comprovadas para ajudar as crianças moçambicanas a melhor aprenderem a ler.

No evento, a Directora da Missão da USAID, Jennifer Adams, felicitou o Governo de Moçambique pela implementação do seu currículo de educação bilíngue: “Através da nossa parceria até ao momento, cerca de um milhão de crianças em idade escolar em Nampula e Zambézia têm materiais de leitura em Emakhuwa, Echuwabo e Elomwe para que possam aprender a ler e escrever na língua que falam em casa. Mais de 3.000 administradores foram treinados para melhor gerir as suas escolas e 7.000 professores para melhor gerir as suas salas de aula e implementar um currículo bilíngue de leitura precoce. Até à data, 993 conselhos escolares foram fortalecidos para melhorar a gestão escolar e a prestação de serviços.” Ela também enfatizou que as evidências mostram que quando as crianças são ensinadas pela primeira vez na sua língua local: “aprenderão e obterão sucesso mais rapidamente, o que é essencial para que se sintam motivadas a participar nas aulas, ir à escola e concluir com êxito o ensino primário”.

Os projectos de educação representam uma componente crítica do programa de assistência mais amplo do Governo dos EUA em Moçambique. Em estreita colaboração com o Governo da República de Moçambique, o Governo dos EUA fornece mais de $500 milhões em assistência anual para melhorar a qualidade da educação e saúde, promover a prosperidade económica e apoiar o desenvolvimento geral da nação.

Distribuído pela APO Group em nome de Embaixada EUA em Moçambique.